//Novo Ferrari F8 Tributo é revelado com o incrível V8 de 720 cv

Novo Ferrari F8 Tributo é revelado com o incrível V8 de 720 cv

Vem substituir o 488 GTB e chega aos 100km/h em menos de 3 segundos.

Este é o novíssimo Ferrari F8 Tributo. No Salão Automóvel de Genebra de 2015 a Ferrari lançou o 488 GTB como substituto do 458 Italia. Para o Salão deste ano, o F8 Tributo vai reformar o Grand Turismo Berlinetta, trazendo o V8 mais potente jamais feito pela Ferrari.

Com 720cv, gerados pelo V8 twin-turbo de 3,9 litros, o novo F8 Tributo traz a mesma confirguação do Ferrari 488 Pista e oferece um extra de 50 cv sobre o seu predecessor. Isto traduz-se numa aceleração de 0 aos 100km/h em 2,9 segundos (0,1s mais rápido em comparação com o GTB). Ao passo que dos 0 aos 200km/h é feito em 7,8 segundos (-0,5s). O novo F8 Tributo tamém atinge a mesma velocidade máxima do Pista, que é de 340km/h, sendo que a Ferrari promete que Turbl Lag é algo que não existe.

O ganho no desempenho não foi alcançado apenas elevando o 488 GTB aos níveis de potência do Ferrari Pista, mas também ao colocar o supecarro V8 de motor central uma dieta. O novo F8 perdeu uns 40 kg e agora pesa apenas 1.330 kg, com todas as opções leves incluídas.

Também queremos realçar um outro número, que é o aumento da eficiência aoerodinâmica em 10%, comparando com o 488 GTB. O visual re-estilizado não é apenas mais elegante do que nunca, mas abre também caminho para uma nova linguagem de design da equipa de Maranello enquanto presta homenagem ao pasado, ao se vincular ao 308 GTB original. Outro aproximar da herança Ferrari é visível na parte de trás, onde a tampa do motor Lexan é iuma remininscência do icónico F40.

Com o lançamento do F8 Tributo, a Ferrari também está a actualizar o cockpit, adicionando saídas de ar redondas e um novo volante. Os controlos também são  novos, bem como as laterais das portas e o ecrã táctil de 7” no lado do passageiro.

O Ferrari apresentará o novo F8 Tributo no Salão de Genebra de 2019, que terá início marcado para a próxima terça-feira, 5 de Março.

Fonte: Ferrari